Faça parte. Contribua. Aprenda.

Contribua e aprenda com grandes intelectuais.
Doe R$ 200 ou mais e ganhe um curso. — Curso do mês: Filosofia e feminismo, com Marcia Tiburi.

Instituto Lula

Menu

Admitir o racismo é começar a combatê-lo

23/09/2014 10:54

Foto: Tania Rego/ Agência Brasil (ato de protesto contra o racismo; março de 2014)

A Organização das Nações Unidas, a ONU, apresentou neste mês de setembro um relatório dizendo que existe racismo no Brasil e que ele permeia todas as áreas da nossa sociedade.

Entretanto, boa parte dos brasileiros nega a existência do racismo no nosso país e diz que aqui vivemos numa situação de real democracia racial.

Esta é uma discussão muito importante para o fortalecimento da democracia em nosso país. Nos últimos anos, tem avançado a discussão sobre o tema e uma série de medidas foram tomadas para combater o racismo e incentivar a integração racial no Brasil.

O diretor do Instituto Lula e coordenador-executivo da Iniciativa África, Celso Marcondes, discutiu esse tema no seu comentário desta semana na TV dos Trabalhadores: