Faça parte. Contribua. Aprenda.

Contribua e aprenda com grandes intelectuais.
Doe R$ 200 ou mais e ganhe um curso. — Professor do mês: Emir Sader.

Instituto Lula

Menu

Boletim 198 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

05/09/2018 12:34

Arte Agência PT

1. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva publicou hoje, em suas redes sociais, um recado em que manifesta sua inconformidade com a decisão do Tribunal Superior Eleitoral de impugnar sua candidatura. Ele reclamou do fato de o TSE tê-lo enquadrado por um crime que não existiu e exigiu celeridade dos tribunais superiores para reparar a injustiça contra si. “Não me conformo de ter sido condenado e estar na lei da Ficha Limpa por um crime que não existiu. Os Tribunais Superiores, que poderiam reparar essa injustiça julgando o mérito do processo antes das eleições, não pautam a votação. Vão julgar quando eu já tiver sido alijado do processo eleitoral?”, questionou Lula.

2. Em função da atitude arbitrária do Judiciário brasileiro em relação a Lula, a defesa do ex-presidente apresentou uma nova petição ao Comitê de Direitos Humanos da ONU para assegurar que o Brasil cumpra a liminar concedida pelo órgão internacional em 17 de agosto. Leia mais: http://www. pt.org.br/defesa-de-lula-encaminha-nova-peticao-ao-comite-da-onu/

3. No 151º dia de resistência democrática em Curitiba, a Vigília #LulaLivre recebeu nesta terça-feira (4) a visita dos pais da vereadora Marielle Franco, assassinada no Rio de Janeiro em março. Marinete da Silva e Antônio Francisco da Silva Neto viajaram a convite do MST. Marinete destacou que o movimento dos militantes em Curitiba é “voltado para um bem maior e em defesa de Lula”, enquanto Antônio Francisco ressaltou que “a elite não quer que o pobre e o negro se formem para questionar o poder”. Saiba mais: http://www.pt.org.br/pais-de-marielle-franco-levam-solidariedade-a-lula-em-curitiba/

4. Os pais de Marielle participaram do ato de boa tarde a Lula e plantaram araucárias no bosque que está sendo reflorestado na vizinhança da Vigília, em homenagem a Marielle e a Anderson Gomes, motorista assassinado junto com a vereadora. O casal participou também da inauguração do Espaço de Formação Marielle Franco, montado pelo MST, e da roda de conversa sobre o tema “A impunidade contra os lutadores do povo – indignação transformada em resistência”.

5. Como tem acontecido em todo o País, ocorreu hoje, em Brasília, mais um “Lulaço” em defesa da libertação do ex-presidente Lula. Ao som de “Lula, guerreiro, do povo brasileiro”, e de “Olê, Olê, Olá… Lula, Lula!”, centenas de pessoas participaram de uma manifestação dentro do Brasília Shopping, no centro da capital federal. Em seguida, os manifestantes reuniram-se em frente à sede da Rede Globo, a poucos metros do shopping, em protesto contra as posições antidemocráticas e golpistas da emissora.

Boletim 198 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia
Direto de Curitiba – 4/09/2018 – 19h40