Faça parte. Contribua. Aprenda.

Contribua e aprenda com grandes intelectuais.
Doe R$ 200 ou mais e ganhe um curso. — Professor do mês: Marcio Pochmann.

Instituto Lula

Menu

Boletim 206 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

13/09/2018 12:36

Arte Agência PT

1. Um grupo de 38 parlamentares de quatro partidos franceses (LFI, PCF, LREM, PS) enviou uma carta ao presidente da França, Emmanuel Macron, pedindo que interfira urgentemente, com todos os meios pacíficos disponíveis, para que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva possa ser candidato nas eleições brasileiras, conforme decisão do Comitê de Direitos Humanos da ONU. Os deputados argumentam que se trata de garantir a legalidade das eleições com base no direito internacional e com o povo brasileiro exercendo plenamente sua soberania. Leia a carta na íntegra: http://www. pt.org.br/deputados-franceses-pedem-a-macron-que-interceda-no-caso- lula/

2. Em carta direcionada a Fernando Haddad, Lula fala de sua admiração e da parceria com o ex-ministro daEducação e agora candidato à Presidência da República pelo PT. “Você sabe o quanto o admiro como ser humano, por sua coragem, inteligência e dedicação ao povo brasileiro. Juntos, tivemos oportunidade de fazer muitas coisas pelo nosso país, principalmente pela educação das crianças e dos jovens”, diz Lula. Leia a íntegra: http://www.pt.org.br/leia-a-integra-da-carta-de-lula-a-haddad/

3. Na terça-feira (11), a Editora Contracorrente lançou o livro “Luiz Inácio Luta da Silva: nós vimos uma prisão impossível”. Coordenado por Esther Solano, Camilo Vannuchi e Aldo Zaiden, a obra coletiva reúne nomes como a candidata a vice-presidenta Manuela D’Ávila, a presidenta nacional do PT, Gleisi Hoffmann, a filósofa Marcia Tiburi, os ex-ministros Gilberto Carvalho e Celso Amorim e as psicanalistas Maria Rita Kehl e Amnéris Maroni. O livro oferece um registro histórico e afetivo de uma prisão arbitrária e da impossibilidade de deter em uma cela o que Lula representa. Leia aqui: http://www.pt.org.br/livro-luiz-inacio-luta-da-silva-e-lancado-em-sao-paulo/

4. O “Bom dia, presidente Lula!” nesta quarta-feira (12), na Vigília #LulaLivre, foi seguido pelo lançamento do livro “Se é público, é para todos”, com João Moraes, da Federação Única dos Petroleiros (FUP). À tarde, foi realizada roda de conversa com Rosane Gutjahr sobre o tema “O crescimento industrial e o reflexo na economia com poder de compra no governo Lula”.

Boletim 206 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia
Direto de Curitiba – 12/9/2018 – 19h10