Faça parte. Contribua. Aprenda.

Contribua e aprenda com grandes intelectuais.
Doe R$ 200 ou mais e ganhe um curso. — Curso do mês: Filosofia e feminismo, com Marcia Tiburi.

Instituto Lula

Menu

ʽProcessualmente isso é um absurdoʼ, diz ex-procurador

05/04/2019 12:03

Foto: Reprodução

Afrânio Silva Jardim, procurador aposentado de Justiça do Ministério Público do Rio de Janeiro e um dos principais juristas da área processual do país, visitou Lula nesta quinta-feira (4). Após quase uma hora na companhia do ex-presidente, saiu da sede da Polícia Federal em Curitiba “indignado, perplexo, emocionado”.  

“Estudo processo penal há 39 anos, estudei o caso dele, não faz sentido nenhum. Juridicamente, processualmente isso é um absurdo”, avaliou Jardim, que é professor de Direito Processual Penal da Universidade Estadual do Rio de Janeiro.

O jurista se revoltou ao questionar: “Qual é o sentido de isolar o maior líder político da história do Brasil em uma cela, além do sentido de impedir que ele faça política aqui fora?”

Afrânio Silva Jardim não conseguiu conter a emoção e lembrou que a indignação causada por tamanha “brutalidade” deve servir de motor de ação para todos os que hoje se empenham na luta pela justiça e consequente liberdade para Lula. 

Confira o relato na íntegra: