Faça parte. Contribua. Aprenda.

Contribua e aprenda com grandes intelectuais.
Doe R$ 200 ou mais e ganhe um curso. — Professor do mês: Ricardo Lodi Ribeiro.

Instituto Lula

Menu

Programas de microcrédito geraram inclusão e desenvolveram o Brasil

06/11/2018 15:22

Foto: Ricardo Stuckert

Um dos pilares da melhora de vida do povo brasileiro nos anos Lula foi a criação de diversas linhas de microcrédito. Pequenos agricultores, jovens, micro e pequenos empresários e muitos mais foram beneficiados. Programas como o Crescer, ProJovem Urbano, o Agroamigo e tantos outros  levaram a inclusão e o desenvolvimento aos quatro cantos do Brasil e movimentaram trilhões de reais. 

Muitos estudos, como esse do Dieese,  mostram que o aumento de crédito para a população foi um dos fatores mais importantes para o crescimento brasileiro de 2003 a 2014. “Em dezembro de 2002, a relação crédito/PIB era de 23,8%, passando a 55,8% em fevereiro de 2014”, afirma o estudo.

Os programas movimentaram a economia e causaram um crescimento constante do PIB.  

Em 2010 Lula reforçou com uma frase já histórica  a importância do crédito para a população necessitada: “Para quem mora na Avenida Paulista, R$ 10 são gorjeta que se dá [para tomar] um whisky de noite. Mas, para uma dona de casa, é dinheiro que ela leva pra casa”, comentou.

Com a distribuição de renda e o aumento do crédito 42 milhões de brasileiros subiram para a classe C e foram responsáveis pelo aumento do mercado de consumo, em 2003 a classe C representava 38% da população, cresceu para 54% em 2013 e deveria chegar em 58% em 2023 , mas com o que vem acontecendo no país esse número se tornou incerto.