Instituto Lula

Doe agora
Menu

Brasil participou do golpe de Estado na Bolívia, diz Evo

10/06/2020 10:48

Foto: Wikicommons

O governo brasileiro participou do golpe de Estado que forçou a renúncia de Evo Morales à Presidência da Bolívia em novembro de 2019, afirma o ex-presidente boliviano.

"Minha informação oficial, confirmada e reconfirmada, é de que às 18h30 se reuniram Waldo Albarracín, ativista da direita, com Carlos Mesa, Fernando Camacho, Tuto Quiroga, a Igreja Católica, o embaixador do Brasil e também o da União Europeia. Isso foi no domingo e ali disseram que Áñez ia ser presidente", disse Evo em entrevista ao jornal argentino Página/12. "Esses personagens foram atores do golpe de Estado", afirmou o boliviano. 

Na avaliação de Evo, "Jair Bolsonaro e companhia trabalham para os Estados Unidos. [...] Essa é a direita americana que se expressa através do Grupo de Lima e da Aliança do Pacífico, que obedece os mandamentos dos EUA".

O Página/12 publicou ainda dados que indicam que o avião presidencial da Bolívia esteve no Brasil um dia depois do golpe. Segundo Evo, "alguns oficiais das Forças Armadas bolivianas me disseram que nesses voos levaram dinheiro".

Leia a matéria completa no Opera Mundi