Instituto Lula

Doe agora
Menu

Hoje (22), 18h: IL debate acesso ao Ead no Ensino Superior

20/06/2022 19:02

Nesta quarta-feira (21), às 18h,o grupo de pesquisa Fronteira Digital, o front-D, realiza uma mesa redonda para debater o boletim online “Tecnologias digitais no ensino superior: desafios de uma sociedade desigual". O vídeo com a mesa redonda será exibido no canal do YouTube do Instituto Lula.

O encontro será mediado por Pietro Borsari com a participação de Andrea L. Harada Sousa e Gabriel Teixeira.

Assista ao vídeo abaixo


Leia o boletim

Sobre a mesa redonda

A digitalização do ensino superior corresponde à extensiva incorporação de tecnologias, plataformas e ferramentas digitais como elementos imprescindíveis para as práticas pedagógicas, de pesquisa e de extensão das Instituições de Ensino Superior (IES). Como propõe Tel Amiel, universidades e tecnologia nunca estiveram dissociadas, e, no momento atual, essa imbricação é ainda mais contundente.

Este boletim aborda o tema orientado pela seguinte questão: quais são os desafios e as possibilidades da utilização de tecnologias digitais no ensino superior em uma sociedade desigual? Para refletir sobre essa pergunta, o texto foi dividido em três partes. Na primeira parte, discute-se o problema do acesso aos meios por parte da população, considerando o destaque que a modalidade de Ensino à Distância (EaD) assumiu nos últimos anos. A segunda parte está dedicada a refletir sobre os desafios do uso de tecnologias digitais que surgem para além do acesso, isto é, há outras desigualdades relevantes a serem enfrentadas na democratização do ensino superior. Por fim, a terceira parte consiste em breves considerações finais tendo em vista as potencialidades e os desafios das tecnologias digitais para o ensino superior.

Sobre os pesquisadores

Pietro Borsari - Economista e matemático. Doutorando em Desenvolvimento Econômico, no Instituto de Economia da Unicamp, com foco nos temas de economia do trabalho e economia política.

Convidados

Andrea L. Harada Sousa – Professora. Diretora do Sindicato dos Professores e Professoras de Guarulhos, doutoranda e pesquisadora do NETSS na FE Unicamp.

Gabriel Teixeira é sociólogo – Professor. Membro da Rede de Educadores do Ensino Superior em Luta e pós-doutorando do IFCH/Unicamp

Sobre o front-D

O projeto do Instituto Lula chamado "Novas e velhas desigualdades na era digital no Brasil da terceira década do século 21" conta com o núcleo de pesquisa front-D, dedicado ao mapeamento da fronteira digital, ou seja, o grupo investiga como a tecnologia impacta o cotidiano das pessoas na cidade, na cultura, na saúde, na economia, nas dinâmicas de trabalho e na organização política. O front-D produziu uma série de boletins online apresentando os resultados das pesquisas.

O núcleo publica dois boletins para cada um dos seguintes temas

1. Políticas de cuidado

2. Vida nas cidades

3. Cultura na era digital

4. Pequenos agricultores e plataformas digitais

5. Nova cartografia digital

6. Financeirização e tecnologias digitais no ensino superior

Nos links abaixo, leia e baixe todos os boletins publicados pelo front-D.

Parte 1

1 - O cuidado na agenda política, o cuidado em disputa

2 - Cidades Inteligentes: soluções e desafios para cidades menos desiguais

3 - Cultura e Tecnologia no Brasil recente

4 - Quando os agricultores são impulsionados pela internet na China

5 - A Amazônia entre a terra e as techs nas novas fronteiras digitais

6 - Economia política das tecnologias digitais no Ensino Superior

Parte 2

1 - O cuidado na era digital

2 - Monitorando a Cidade Inteligente: câmeras de vigilância, monitoramento inteligentee racismo tecnológico

3 - Tecnologias Digitais, Cultura e Pandemia: fronteiras e desigualdades

4 - O estudo de caso das Vilas Taobao

5. O ambiente entre as tecnologias digitais acionadas por governo e sociedade

6 - Tecnologias digitais no ensino superior: desafios de uma sociedade desigual