Instituto Lula

Doe agora
Menu

Comitê realiza ciclo de formação sobre a Lava Jato

28/07/2020 09:45

Por Comitê Lula Livre

Com o tema “A Lava Jato em Revista” o objetivo é aprofundar a análise sobre essa operação, que se transformou em um instrumento de perseguição a serviço de um projeto político ultraconservador, antipopular e subserviente a interesses estrangeiros.

Faça a sua inscrição aqui

Confira abaixo a programação completa:

03/AGOSTO, 18h30: A trajetória da Lava Jato e seus impactos na vida política do país

No primeiro encontro, vamos lembrar como começou a Lava Jato, quando tinha como foco a investigação de esquemas de lavagem de dinheiro por doleiros, e como, ao longo dos anos, ela foi se transformando em um agente político de alto impacto. Vamos destacar como a operação instrumentalizou a justiça para produzir resultados na área política, o que culminou com sua influência direta nos resultados da última eleição presidencial.

Expositor: Paulo Moreira Leite, jornalista, autor de “A outra história da Lava Jato”.

10/AGOSTO, 18h30: A Lava Jato e o Departamento de Justiça dos EUA

Neste encontro, trataremos das revelações trazidas pelo The Intercept sobre as relações entre a operação Lava Jato e o Departamento de Justiça dos EUA, que envolviam esquemas de colaboração ilegais, intercâmbio de provas e documentos, treinamento técnico etc. Essa relação se dava às sombras da institucionalidade, uma vez que não foi aprovada pelo Ministério da Justiça. Também falaremos das implicações legais dessa colaboração para as investigações da operação.

Expositores: Marcelo Zero, sociólogo e especialista em relações internacionais

17/AGOSTO, 18h30: Os impactos da Lava Jato na economia brasileira

No último encontro desse ciclo, avaliaremos como a Lava Jato produziu impactos negativos na economia brasileira, contribuindo para fragilizar setores econômicos inteiros, como o setor do petróleo e a construção civil. A perseguição ilegítima produzida pela operação levou empresas à falência, fechou milhares de postos de emprego e tornou setores estratégicos de nosso país vulneráveis à competição desleal de empresas estrangeiras.

Expositores: Juliane Furno, mestre e doutora em desenvolvimento econômico pela UNICAMP e Luiz Fernando de Paula, professor do Instituto de Economia da UFRJ e coordenador do Grupo de Estudos de Economia e Política do IESP/UERJ.